FURAÇÃO

 

Conceito

 

A Furação é a operação de usinagem que tem por objetivo abrir, alargar ou acabar furos em peças. Os furos podem ser produzidos em dimensões que variam desde poucos milímetros até vários centímetros de diâmetro.

 

 

Principais movimentos

 

A – movimento de corte.

 

B – movimento de avanço.

 

 

Tipos de furação

 

Execução de um furo em material cheio, ou seja, que ainda não foi furado Execução de furo em material previamente furado.

 

Estrutura de uma furadeira

 

1 Cabeçote fixo.
2 Conjunto de polias.
3

Motor elétrico.

4 Eixo (Árvore).
5 Porta ferramenta (Mandril)
6 Ferramenta (Broca).
7 Mesa ajustável.
8 Coluna.
9 Base.

 

Principais modalidades de furação

 

 

Ferramentas especiais usadas nas furadeiras

 

Broca para furos profundos

Broca de centrar

 

Broca de sangrar discos ou recortar

 

Mandrilagem, rebaixos, escareadela, contrapunçoado e faceamento

 

 

a) Alargamento (mandrilagem) de um furo previamente aberto

b) Rebaixo cilíndrico para alojar parafusos com cabeça cilíndrica

c) Contrapunçoado para alojar parafusos com cabeça de embeber ou rebites

d) Escareadela ou rebaixamento de furos

e) Faceamento de superfícies de apoio

 

Tipos de máquinas de furar

 

 

Furadeira de coluna, usada para furos de até 25 mm de diâmetro, desaconselhável para furos muito profundos.

Esse tipo de furadeira é muito versátil, realizando operações de furação comuns ou trabalhos em série mediante o emprego de gabaritos.


Furadeira de coluna, usado para abrir grandes furos devido ao seu grande peso e rigidez.

 

 

Furadeira de bancada, usada para furos de até 10 mm de diâmetro.

Furadeira múltipla ou de várias árvores, é usada na fabricação de grandes séries de peças munidas de furos, uma vez que permite ao operador executar vários furos simultaneamente em uma peça.


Furadeira em série ou de árvores múltiplas, usada na fabricação em série por permitir executar várias operações seguidas em uma peça.

Cada coluna possui um mandril em que permanece constantemente montada uma determinada ferramenta, até a furação final de todas as peças com essa broca. Diversas operações podem ser levadas a cabo em um mesmo orifício ou diversos orifícios podem ser confeccionados em vários pontos de uma mesma peça.


Furadeira radial permite ao operador furar a peça em qualquer lugar sem precisar alterar a posição de fixação da peça.

 

Fixação de brocas

 

Ao fixar a broca o mais importante é ter certeza que esta esteja girando concentricamente, caso contrário ela se quebrará facilmente durante o trabalho.

 

Fixação de brocas com cabo cônico:

 

a – Topo da árvore / porta-mandril.

b – Orifício transversal.

c – Cabo do mandril.

 

Fixação das peças na máquina de furar

 


A


B


C


D

 

 


E


F


A – A peça deve sempre ficar posicionada horizontalmente e a broca sempre acima de uma das aberturas.

B – Fixação de pequenas peças usando torno de mão.

C – Fixação usando prensa de apertos.

D – Fixação no cabedal boca-de-lobo com grampo de aperto.

E – Prato de furar danificado pela broca.

F – Fixação insegura de peças compridas.